sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Alagoas representa região Nordeste em festival nacional de literatura em vídeo.


"O Cidadão de Papel", produzido no interior do estado, é finalista e concorre com outros nove trabalhos literários.

Mais uma vez Alagoas terá representante em festival nacional, o curta-metragem compõe a lista com os 10 vídeos selecionados para concorrer ao 2º festival de literatura em vídeo que acontece em São Paulo no dia 16 de fevereiro. Evento almeja promover a cultura, incentivar interesse pela arte audiovisual e descobrir talentos envolvidos em diversos pontos do país.

Refletindo problemas que descrevem a realidade social brasileira, “O Cidadão de Papel” inspirado na obra do jornalista Gilberto Dimenstein trabalha questões como a desigualdade social, ausência da qualidade na educação, desrespeito aos idosos e prostituição infantil. O curta-metragem conta com a participação de estudantes da escola Conceição Lyra em São Miguel dos Campos (AL) e direção do professor Salomão D’Luna, responsável pela composição da música “Escuridão” presente no enredo musical do vídeo.

Na primeira edição do Festival Literatura em Vídeo, realizada em 2011, a escola Conceição Lyra teve seu trabalho selecionado como finalista. “Meninas da noite", também inspirado na obra de Gilberto Dimenstein e dirigido por Salomão D’Luna, foi o grande vencedor da categoria melhor filme pelo Júri Técnico. O filme retrata a triste realidade vivenciada por meninas que se envolvem no mundo da prostituição, além de levantar questões como a pedofilia e o abuso sexual ocasionado dentro do próprio ambiente familiar.

Alagoas é o único estado do Nordeste que possui representante no evento. Apesar do talento que se confirma em mais um trabalho selecionado, é lamentável se ter a consciência da restrita valorização existente no estado. A arte transforma, possui grande potencial no combate a diversos problemas sociais e incentiva o interesse pela cultura. Porém, infelizmente existe pouco interesse na disseminação cultural e pouco investimento em órgãos públicos responsáveis pela arte alagoana.

O talento existe! Alagoas é um estado extremamente rico em cultura e abriga grandes artistas, mas, falta oportunidade para expandir a capacidade e favorecer o enriquecimento artístico dos talentos da terra. “O cidadão de Papel” é um bom exemplo do que está sendo exposto na prosa. A arte que reflete a realidade como forma de protesto pelo descaso. O estado será vitrine em concurso nacional de literatura em vídeo, entretanto, muitos desconhecem. Os bons frutos da nossa terra precisam ser enxergados com mais cuidado por quem a semea.

-Robson Muller

Acesse o link e vote em “O Cidadão de Papel”, nosso representante alagoano, para melhor filme na categoria Júri Popular do 2º Festival Literatura em Vídeo: www.literaturaemvideo.com.br.

Assista ao curta-metragem “Meninas da Noite” vencedor pela categoria Júri Técnico da primeira edição do Festival Literatura em Vídeo realizado em 2011.

video

Da poesia à notícia, o blog Devaneios em Versos resolveu apostar em um novo formato textual para cobrir uma notícia relevante no cenário artístico da nossa terra. O talento de uma equipe que está levando pela segunda vez nossa arte alagoana para um concurso nacional de literatura audiovisual. Duas obras do jornalista Gilberto Dimenstein foram escolhidas para inspirar produções que refletem a realidade através da literatura.








Nenhum comentário:

Postar um comentário